Daniel Bockwoldt/dpa/AFP
Daniel Bockwoldt/dpa/AFP

Zverev e Fognini confirmam favoritismo e se classificam às quartas em Hamburgo

Roberto Bautista-Agut também conseguiu classificação para a próxima fase no ATP 250 de Gstaad, na Suíça

Redação, Estadão Conteúdo

25 de julho de 2019 | 17h18

Dois dos principais favoritos ao título, o alemão Alexander Zverev, atual número 5 do mundo, e o italiano Fabio Fognini, 10.º colocado do ranking, confirmaram as suas condições de cabeças de chave nesta quinta-feira e se classificaram às quartas de final do ATP 500 de Hamburgo, que está sendo disputado em quadras de saibro na Alemanha.

O atleta local foi o primeiro dos dois a entrar em quadra e enfrentou o argentino Federico Delbonis, apenas o número 67 do mundo. Mas o tenista sul-americano fez um jogo parelho frente a Zverev, só caindo por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (7/2), após 1 hora e 45 minutos de confronto.

O próximo adversário do alemão, nesta sexta-feira, será o sérvio Filip Krajinovic, que saiu perdendo contra o eslovaco Martin Klizan, mas teve forças e buscou a virada por 2 sets a 1 - com parciais de 6/7 (6/8), 7/5 e 6/1. Será a primeira vez que Zverev e o 58.º colocado do ranking da ATP medirão forças no circuito profissional.

Logo após a partida de Zverev, Fognini entrou na quadra central para vencer o também local Rudolf Molleker, número 150 do mundo e convidado da organização, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4. Nas quartas de final, o italiano terá pela frente o espanhol Pablo Carreño Busta, 59.º do ranking, que mostrou força e derrotou o alemão Jan-Lennard Struff, sétimo pré-classificado e algoz do brasileiro Thiago Monteiro, com as parciais de 6/1 e 7/6 (7/4).

Na Suíça

Principal cabeça de chave do ATP 250 de Gstaad, também realizado em quadras de saibro, o espanhol Roberto Bautista-Agut fez a sua estreia nesta quinta-feira e conseguiu a classificação às quartas de final. O atual número 13 do mundo derrotou o compatriota Jaume Munar por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (9/7) e 6/4, e agora terá uma pedreira pela frente contra o português João Sousa, quinto pré-classificado, que passou pelo italiano Gian Marco Moroni com um duplo 6/4.

Com mais dificuldades, o sérvio Dusan Lajovic, cabeça 3 e numero 26 do mundo, eliminou o usbeque Denis Istomin por 2 sets a 1 - com parciais de 6/4, 6/7 (2/7) e 7/6 (7/2) - para avançar às quartas de final. Seu próximo rival será o espanhol Pablo Andújar, quinto pré-classificado em Gstaad, que bateu o japonês Taro Daniel também por 2 a 1 - parciais de 6/1, 3/6 e 7/6 (7/2).

Tudo o que sabemos sobre:
tênis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.