Andy Wong/AP
Andy Wong/AP

Zverev vence Fognini em Pequim e avança para buscar sua 1ª semifinal em 2 meses

Com o triunfo, o tenista alemão avançou às quartas de final e terá como próximo adversário o russo Andrey Rublev

Estadão Conteúdo

05 Outubro 2017 | 12h38

Atual quarto colocado do ranking mundial e considerado um dos principais nomes da nova geração do tênis masculino, Alexander Zverev fez valer com autoridade a sua condição de segundo cabeça de chave do Torneio de Pequim ao vencer nesta quinta-feira o italiano Fabio Fognini por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, após 1min12min de confronto no ATP 500 chinês.

+ Soares bate Demoliner e vai à semifinal em Tóquio; Raonic abandona jogo por lesão

Com o triunfo, o tenista alemão avançou às quartas de final e terá como próximo adversário o russo Andrey Rublev, atual 39º colocado da ATP, que em outro duelo desta quinta desbancou o favoritismo do checo Tomas Berdych, sétimo cabeça de chave, batido de virada com parciais de 1/6, 6/4 e 6/1.

Para ganhar o direito de lutar por uma vaga na decisão, Zverev aproveitou quatro de nove chances de quebrar o saque de Fognini, hoje o 26º tenista do mundo, que só converteu um dos três break points cedidos pelo seu adversário na partida.

Nesta sexta-feira, diante de Rublev, o alemão lutará para se classificar para a sua primeira semifinal em quase dois meses. Na segunda semana do mês de agosto, ele derrotou o canadense Denis Shapovalov nesta mesma fase do Masters 1000 de Montreal, onde na sequência ficaria com o título ao derrotar ninguém menos do que o suíço Roger Federer na decisão.

Após o expressivo triunfo no Canadá, Zverev foi surpreendido pelo norte-americano Frances Tiafoe em sua estreia no Masters 1000 de Cincinnati, caiu diante do azarão croata Borna Coric na segunda rodada do US Open e ainda teve o seu favoritismo desbancado pelo bósnio Damir Dzumhur nas quartas de final do Torneio de Shenzen, este último na semana passada, na China.

Vencedor de cinco torneios nesta temporada, o alemão de apenas 20 anos também ergueu os troféus de campeão em Montpellier e Munique, triunfou no ATP 500 de Washington e ficou com a taça do Masters 1000 de Roma, onde superou Novak Djokovic em sets diretos na final, sendo que arrasou Federer por 6/1 e 6/3 na decisão em Montreal.

Na semifinal em Pequim, Zverev enfrentará Rublev pela segunda vez no circuito da ATP, depois de ter passado pelo russo no Masters 1000 de Montecarlo no ano passado, em piso de saibro, onde também atropelou com parciais de 6/1 e 6/3. No saibro, por sua vez, o alemão também já havia levado a melhor sobre Fognini no único confronto anterior entre os dois, em maio deste ano, quando aplicou duplo 6/3 sobre o italiano no Masters 1000 de Roma.

Mais conteúdo sobre:
Alexander Zverev

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.