Mercedes e Ferrari fazem escolhas diferentes para 2ª etapa

Equipes apostam em estratégias diferentes de pneus para o Bahrein

Estadão Conteúdo

22 de março de 2016 | 14h07

A Pirelli revelou nesta terça-feira quais foram os 13 jogos de pneus escolhidos pelos pilotos para o GP do Bahrein, a próxima etapa da temporada 2016 da Fórmula 1, e indicou que Mercedes e Ferrari, as duas principais equipes do campeonato, fizeram apostas diferentes para o fim de semana da corrida, agendada para 3 de abril.

Assim como ocorreu na prova de abertura do campeonato, o GP da Austrália, os pilotos puderam optar entre os pneus médios, macios e supermacios. O inglês Lewis Hamilton e o alemão Rosberg, ambos da Mercedes, selecionaram só um composto médio, seis macios e outros seis supermacios.

Já a aposta dos pilotos da Ferrari foi diferente. Tanto o alemão Sebastian Vettel como o finlandês Kimi Raikkonen escolheram três jogos de pneus médios, quatro macios e seis supermacios.

Felipe Massa escolheu o limite de compostos supermacios - sete. Além disso, o brasileiro da Williams optou por mais três médios e outros três macios. Outro piloto do País no grid da Fórmula 1, Felipe Nasr, da Sauber, escolheu quatro jogos de pneus médios, quatro macios e cinco supermacios.

O regulamento da Fórmula 1 exige que os pilotos utilizem dois dos três tipos de pneus durante a corrida. Além dos 13 compostos para pista seca, eles também terão acesso durante o fim de semana aos compostos intermediários e para pista molhada em caso de chuva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.