Yamaha anuncia espanhol Viñales para vaga de Lorenzo na MotoGP em 2017

A Yamaha anunciou nesta quinta-feira o nome do substituto do espanhol Jorge Lorenzo, que vai se transferir para a Yamaha ao término do atual campeonato. Ele será sucedido por Maverick Viñales, também da Espanha, que assinou contrato para as temporadas 2017 e 2018.

Estadão Conteúdo

19 de maio de 2016 | 11h22

Viñales compete atualmente pela Suzuki e ocupa o quinto lugar na classificação do campeonato. Nos próximos dois anos, ele estará na Yamaha, sendo o companheiro de equipe do italiano Valentino Rossi, que teve o seu contrato renovado em março.

Na sua carreira na motovelocidade, Viñales, de 21 anos, conquistou o título da Moto3 em 2013. Ele fez a sua estreia na MotoGP em 2015, temporada que marcou o retorno da Suzuki para a categoria, e foi eleito o estreante do ano.

Em 2016, Viñales aproveitou a evolução da Suzuki para subir ao pódio pela primeira vez na MotoGP, na etapa da França, quando garantiu o terceiro lugar. Agora, em 2017, terá a oportunidade de substituir o atual campeão e líder do campeonato.

A "dança das cadeiras" iniciada com a decisão de Lorenzo de trocar a Yamaha pela Ducati provocou outra mudança anunciada nesta quinta-feira. Preterido na Ducati com a contratação do espanhol, o italiano Andrea Iannone foi contratado pela Suzuki para a vaga de Viñales.

Iannone assinou um contrato válido pelas temporadas 2017 e 2018 com a Suzuki. O italiano estava na MotoGP desde 2013, tendo competido sempre pela Ducati. No ano passado, ele terminou o campeonato em quinto lugar, com uma pole position e três pódios. Em 2016, Iannone está apenas na décima posição, mas já subiu ao pódio uma vez.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.