Divulgação/6h de São Paulo
Divulgação/6h de São Paulo

6 Horas de São Paulo abre venda de ingressos ao público neste sábado

Etapa da temporada 2019-20 do Mundial de Endurance será entre janeiro e fevereiro do ano que vem, em Interlagos

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de maio de 2019 | 16h13

A organização das 6 Horas de São Paulo começa a vender os ingressos para a prova neste sábado, a partir das 8h30, no site oficial do evento (www.6horasdesaopaulo.com.br). A etapa do Mundial de Endurance (WEC, na sigla em inglês) volta ao Brasil na temporada 2019-2020 da categoria, com a competição marcada para os dias 30 de janeiro a 1º de fevereiro do próximo ano, no autódromo de Interlagos, em São Paulo.

A última vez em que a prova foi realizada em São Paulo foi em 2014, quando ainda foi organizada pelo ex-piloto Emerson Fittipaldi. A corrida do próximo ano tem ingressos entre R$ 250 até R$ 3.950, com a possibilidade de pagamento parcelados das entradas em até seis vezes. Os primeiros mil compradores do lote inicial de ingressos vão gahar brindes oficiais das 6 Horas de São Paulo, como um boné e uma cartela de adesivos a serem retirados no dia da corrida.

O organizadores prometem fazer de Interlagos uma mini Le Mans, prova francesa mais famosa do Mundial da Endurance. O objetivo é oferecenter entretenimento para os visitantes, como a montagem na área central do autódromo de um parque com alimentação, lojas oficiais, roda gigante, arborismo, simuladores de automobilismo, além de shows musicais.

Ao mesmo tempo em que a venda de ingressos será aberta, o Mundial de Endurance realizada uma etapa neste sábado, em Spa-Francorchamps, na Bélgica. A corrida terá a presença de três brasileiros: Bruno Senna, André Negrão e Augusto Farfus.

Preço dos ingressos

Setor A - R$ 250

Setor M - R$ 490

Setor B - R$ 600

Paddock - R$ 3.950

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.