A Ferrari já está no Brasil

Os equipamentos que serão utilizados pela equipe Ferrari no Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1, incluindo os carros, chegaram na madrugada deste sábado no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas. A organização da competição, por questão de segurança, decidiu antecipar a chegada dos carros. As duas Ferraris desembarcaram às 2h55 da madrugada, quase 10 antes do horário previsto, vindo diretamente do Circuito de Catalunha, na Espanha, onde foram realizados os últimos testes das equipes para o GP do Brasil, que será disputado no próximo domingo.A mudança no horário pegou todos de surpresa. Na hora do desembarque não havia quase ninguém. Apenas uma equipe da TV Globo, que passou toda à noite de plantão no aeroporto, conseguiu fazer algumas imagens. O equipamento seguiu para o Autódromo de Interlagos, em São Paulo, por volta das 10 horas, em um comboio de 14 carretas. Os equipamento da Williams chegaram no horário previsto, às 8h20. No mesmo vôo estavam as McLaren, do escocês David Coulthard e do finlandês Mike Hakklnen. No início da tarde chegaram as Benetton, da equipe do inglês Jenson Button e as Jordan, a equipe do italiano Jarno Trulli.O total de carga do "circo" da Fórmula 1 é de 600 toneladas. Os últimos carros e equipamentos chegarão segunda-feira, em Campinas. Depois seguem para São Paulo, em escolta especial da Polícia Rodoviária. Na segunda-feira chegam também cerca de 100 toneladas de equipamentos da Formula 3.000, no aeroporto de Campinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.