'Acredito em milagres', diz espanhol Fernando Alonso

Piloto afirma que pode reverter desvantagem de 12 pontos para Hamilton nas duas últimas provas

Nick Mulvenney, da Reuters,

04 de outubro de 2007 | 11h26

Fernando Alonso ainda acredita que um milagre possa levá-lo a superar o colega de equipe na McLaren, Lewis Hamilton, e a conquistar o tricampeonato da Fórmula 1. Veja também: Classificação do Mundial Leia mais no Blog do Lívio O piloto espanhol, de 26 anos, está 12 pontos atrás do novato inglês. Vinte pontos ainda podem ser disputados no GP da China deste fim de semana e na corrida final, no Brasil, duas semanas depois. "Acredito em milagres, com certeza", disse o espanhol a jornalistas nesta quinta-feira. "A Fórmula 1 é imprevisível, em muitas ocasiões, como pistas molhadas e coisas assim...tudo pode acontecer". "Até que matematicamente você esteja sem chance de vencer o campeonato, você não desiste", observou. Alonso teve alguns atritos com a McLaren neste ano, especialmente desde que forneceu e-mails para o inquérito que resultou na perda de todos os pontos do mundial de construtores conquistados pela escuderia e em uma multa de US$ 100 milhões (cerca de R$ 190 milhões). Questionado sobre se ele achava que Hamilton seria favorecido para ajudá-lo a vencer o título em Xangai, Alonso hesitou. "Pergunta difícil", disse. "Não vou responder." Alonso ganhou seus dois títulos mundiais com a Renault e o chefe da equipe, Flavio Briatore, não faz segredo que ele seria bem-vindo de volta, depois de especulações de que o piloto não manteria seu contrato com a McLaren. "Esta não é a hora de falar sobre o próximo ano", disse. "Estou tentando vencer as próximas duas corridas e quando o campeonato acabar, nós vamos ver."

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Fernando AlonsoMcLaren

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.