Alesi venceu apenas uma corrida

O francês Jean Alesi, que nesta quarta-feira anunciou que não correrá mais na Fórmula 1 depois do GP do Japão, neste domingo, estreou na Fórmula 1, em 1990, como uma promessa. Muitos imaginaram tratar-se de um campeão do mundo em potencial, mas venceu apenas uma corrida em sua carreira: no Canadá, em 1995, pela Ferrari."Ayrton Senna era meu ídolo", diz até hoje. Os dois tiveram um duelo histórico pela vitória no GP dos EUA, em Phoenix, em 1990. Senna pela McLaren e Alesi com Tyrrell. Deu Senna.No GP dos Estados Unidos, dia 30, Alesi, de 37 anos, disputou a 200ª prova na categoria. Apenas 4 pilotos tiveram maior longevidade no Mundial: Ricardo Patrese, 256; Gerhard Berger, 210; Andrea De Cesaris, 208; e Nelson Piquet, 204. A aposentadoria de Alesi surpreendeu Eddie Jordan, sócio da equipe do francês. "Ele não me comunicou nada", disse o dirigente. Alesi havia solicitado ao irlandês uma definição quanto ao seu futuro. A escolha do japonês Takuma Sato o decepcionou profundamente.

Agencia Estado,

10 de outubro de 2001 | 18h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.