Alex Barros volta às pistas dez anos após sua última temporada na MotoGP

Alex Barros volta às pistas dez anos após sua última temporada na MotoGP

Aos 46 anos, brasileiro irá participar do campeonato nacional de Superbike

Rodolfo Mondoni, O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2017 | 18h40

Maior piloto brasileiro de motovelocidade de todos os tempos, Alexandre Barros voltará às pistas para a primeira etapa do campeonato nacional de Superbike, que será realizado neste domingo, 23, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Aposentado desde 2007, quando fez sua última temporada na MotoGP, o piloto decidiu voltar a correr depois de participar da última rodada da Superbike no final do ano passado, quando ultrapassou a linha de chegada na segunda colocação. Nos últimos meses, voltou a treinar em busca de se preparar fisicamente para uma temporada completa na categoria.  

"Voltar a correr depois de tanto tempo é um desafio maior do que começar a correr. Mas o ânimo e o espírito continua bem jovem", afirmou o piloto de 46 anos.

O companheiro de equipe de Barros será Diego Pierlugi, que em 2016 venceu três das seis corridas que disputou. O experiente piloto argentino faz parte da equipe Alex Barros Racing, que juntamente com a Honda e Estrella Galicia, vem trabalhado para o desenvolvimento do esporte no País e a preparação de novos talentos. Um dos destaque desse trabalho com a categoria de base é Diogo Moreira, que com apenas 12 anos já figura entre os melhores do Brasil, dando início a carreira internacional.

"O campeonato nacional vem melhorando muito, mesmo com a situação econômica e financeira que o País enfrenta. O Brasil nunca viveu um momento tão bom na motovelocidade em relação a estrutura das equipes, nível técnico e o interesse dos patrocinadores", declarou Barros empolgado com seu retorno. 

A volta oficial de Alex Barros às competições de motovelocidade acontece neste domingo às 12h05 (horário de Brasília), com a primeira etapa da categoria 1000cc da Superbike em Interlagos. O site oficial do evento fará a transmissão da corrida.

Tudo o que sabemos sobre:
Alexandre Barros

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.