Alonso aposta em 'qualquer' resultado no GP da China

Bicampeão do mundo vive bom momento na temporada, com duas vitórias consecutivas na Fórmula 1

EFE

14 de outubro de 2008 | 15h34

O piloto espanhol Fernando Alonso, que venceu as duas últimas etapas do Mundial de Fórmula 1 com sua Renault, não se mostrou muito empolgado para o Grande Prêmio da China e afirmou que pode conseguir "qualquer" resultado.Em declarações divulgadas no site da escuderia, Alonso disse: "Vimos que nosso nível de rendimento é razoável comparado aos carros da Ferrari e McLaren, e por isso tenho o sentimento de que tudo é possível, do pódio à vitória. A equipe está muito motivada depois das vitórias em Cingapura e Japão".O espanhol afirmou que o circuito de Xangai, palco da prova de domingo, é "um desafio" para pilotos e engenheiros por ter retas longas e curvas rápidas, além de outras lentas. "É preciso buscar um equilíbrio no carro, para que tenha apoio nas curvas e seja rápido nas retas. Trabalharemos nisso a partir de sexta", comentou.Para o piloto da Renault, o público chinês recebe bem a F-1 por ser um esporte relativamente novo para eles. "Os torcedores são muito entusiastas e receptivos, como no Japão. É um lugar muito interessante para andar num carro de Fórmula 1", comentou.Alonso também comemorou a vitória no GP do Japão: "Merecemos o resultado. Fomos rápidos e a estratégia funcionou perfeitamente. É simplesmente incrível e estou extremamente feliz. Fizemos um grande trabalho nas últimas semanas e agora somos claramente a terceira melhor equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
Fernando AlonsoRenaultFórmula 1F-1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.