Mark Baker/AP
Mark Baker/AP

Alonso diz que acha 'normal' ultrapassagem sobre Massa

'Em uma corrida como essa tudo pode acontecer', afirma o bicampeão

AE, Agência Estado

18 de abril de 2010 | 15h00

A ultrapassagem forçada de Fernando Alonso sobre o companheiro de equipe Felipe Massa na entrada dos boxes, durante o GP da China, neste domingo, parecia um claro sinal de que o relacionamento entre os dois pilotos da Ferrari não vai bem, e só tendia a piorar com o incidente. Não para o espanhol. Após a corrida em Xangai, Alonso considerou como "normal" a manobra que causou polêmica.

Veja também:

link Jenson Button vence na China e assume a liderança do Mundial de F-1

"Para mim foi uma manobra normal e certamente não comprometerá a nossa relação", garantiu o bicampeão da Fórmula 1, que já se desentendeu com o brasileiro antes mesmo de chegar à Ferrari para a atual temporada. "Se ele não fosse meu companheiro de equipe não falariam tanto disso", desconversou Alonso.

Sobre a prova na China, na qual terminou em quarto, o espanhol ficou satisfeito com o resultado. "Em uma corrida como essa tudo pode acontecer. Nós fizemos cinco paradas para trocar pneus, o que definitivamente é incomum. Mas no geral acho que tomamos as decisões certas na hora certa", afirmou.

Alonso também mostrou satisfação ao comentar o desempenho da Ferrari. "Nós mostramos que somos competitivos em todas as pistas e temos o que precisa para ganhar o título", disse, otimista, reconhecendo a superioridade da McLaren. "Mesmo que eles não tenham o melhor carro, eles tiraram o máximo dele toda vez."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.