Alonso diz que agora há três equipes com que se preocupar

Para espanhol "em vez de haver duas equipes em outro mundo, agora há três"

Efe

05 de abril de 2008 | 12h33

O piloto espanhol Fernando Alonso, da Renault, disse após obter a décima colocação no treino de classificação para o Grande Prêmio do Bahrein, que a presença da escuderia BMW-Sauber no duelo entre a McLaren e a Ferrari não é boa para ele, já que, "em vez de haver duas equipes em outro mundo, agora há três".   Veja também: Vote: Felipe Massa vai se recuperar no Mundial? As duas primeiras corridas em análise na TV Estadão Blog do Livio: mais sobre a F-1, direto do Bahrein Classificação Calendário Kubica desbanca Massa e faz a pole no Bahrein   Segundo Alonso, agora só resta "tentar a sétima posição, no máximo". No entanto, o piloto destacou que esta situação é boa para o campeonato, "porque agora há uma variante que não existia no ano passado".   O espanhol também disse ter ficado contente com a pole position conquistada pelo polonês Robert Kubica, da BMW Sauber, a quem se referiu como "um grande amigo".   "Kubica é um piloto que sempre ganhou tudo em categorias anteriores. Encontrou o caminho este ano e está demonstrando que é um dos melhores pilotos", elogiou Alonso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.