Alonso diz que Ferrari ainda precisa melhorar

Fernando Alonso venceu no último domingo o GP da China, no circuito de Xangai, mas nem por isso está satisfeito com o rendimento da Ferrari no início do campeonato. O piloto espanhol negou que tenha o carro mais rápido da Fórmula 1, condição que, para ele, sua equipe só vai alcançar se apresentar uma evolução constante. "Eu não acho que nós somos o carro a ser batido no momento, apenas porque tivemos esta vitória", disse.

AE, Agência Estado

18 de abril de 2013 | 13h25

"Na Austrália, claramente não fomos o mais rápido e lutamos um pouco na Malásia. Na China, em ritmo de corrida, Sebastian (Vettel) foi o mais rápido em todas os momentos, mas havia optado por uma estratégia estranha para o treino de classificação. Precisamos continuar melhorando e ser um pouco mais rápidos. Há algumas peças novas para esta corrida e novos componentes que virão para Barcelona e Mônaco. Portanto, esperamos que no próximo mês e meio, possamos estar ao nível dos melhores carros", disse.

Após a disputa de três provas, quatro campeões mundiais ocupam as primeiras colocações, com Vettel na dianteira, seguido pelo finlandês Kimi Raikkonen, por Alonso e pelo britânico Lewis Hamilton. Para o espanhol, a situação não surpreende, mesmo que o campeonato esteja no início e a situação possa ser alterada.

"No momento, as posições do campeonato não são realmente importantes, mas, ao mesmo tempo, não é uma grande surpresa ver Lewis, onde ele está: ele é um dos melhores pilotos no grid agora, no ano passado ele colocou a McLaren em uma posição competitiva e está fazendo isso com a Mercedes neste ano. Sabemos que a Red Bull é provavelmente o carro mais forte e Kimi está tendo um fantástico início de temporada e talvez pilote melhor do que qualquer outro".

Alonso avaliou que a regularidade será fundamental para que ele seguir com chances de ser campeão mundial. "Precisamos estar sempre no pódio se queremos lutar pelo campeonato", disse o espanhol, que ficou em segundo lugar no GP da Austrália e abandonou a prova na Malásia antes de faturar a sua primeira vitória nesta temporada.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1FerrariFernando Alonso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.