Srdjan Suki/EFE
Srdjan Suki/EFE

Alonso ignora polêmica e diz que vitória foi 'especial'

'Especialmente quando penso no enorme trabalho realizado por todos para atingir essa dobradinha', diz

AE, Agência Estado

27 de julho de 2010 | 15h58

MARANELLO - O espanhol Fernando Alonso voltou a ignorar a polêmica que envolveu a sua segunda vitória na atual temporada da Fórmula 1. Nesta terça-feira, o piloto publicou texto em seu blog no site oficial da Ferrari e declarou considerar mais esse triunfo "especial". Além disso, não fez qualquer comentário em relação ao fato de ter triunfado após a equipe ordenar o brasileiro Felipe Massa a lhe ceder a liderança.

Veja também:

linkMassa evita falar de ordem e projeta volta à Hungria

linkBarrichello: 'Entenderam só agora como foi em 2002'

"Todas as vitórias são especiais. Vencer é um grande sentimento e foi o caso de Hockenheim, especialmente quando penso no enorme volume de trabalho realizado por todos em Maranello para atingir essa dobradinha fantástica. Ninguém nunca desistiu e eu sei como eles estavam contentes de ver duas Ferrari cruzar a linha à frente de todos os nossos rivais", escreveu.

Alonso ainda classificou o fim de semana do GP da Alemanha como normal ao compará-lo com as provas anteriores em que a Ferrari enfrentou vários problemas. "Nós não tivemos muita sorte em algumas corridas e, por causa de incidentes anormais, não conseguimos os pontos que merecíamos. Houve uma ligeira sensação de frustração com esta falta de resultados, mas por último, na Alemanha, pela primeira vez tivemos uma corrida e um fim de semana normais, quando não tivemos problema algum".

O espanhol acredita que está na luta pelo título mundial. No momento, ele está na quinta colocação, 32 pontos atrás do líder Lewis Hamilton. "A vitória não muda a minha abordagem para o resto da temporada. Sabíamos antes de Hockenheim que nosso carro era muito mais competitivo e foi isso que me fez tão confiante. Agora temos de continuar nessa direção, a partir deste fim de semana em Budapeste".

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Fernando AlonsoFerrari

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.