Eric Gay/AP
Eric Gay/AP

Alonso já tem contrato pronto com a McLaren, afirma jornal espanhol

Piloto bicampeão mundial deve deixar a Ferrari ao fim do ano e resta apenas assinar o vínculo com equipe inglesa para a temporada 2015

O Estado de S. Paulo

31 de outubro de 2014 | 16h42

Falta apenas a assinatura de Fernando Alonso para o piloto bicampeão mundial de Fórmula 1 confirmar a ida para a McLaren na próxima temporada. Segundo o jornal espanhol Marca, o acordo entre as partes é certo e a espera pela finalização do contrato é somente para que Alonso possa pensar com calma sobre o retorno à escuderia inglesa.

Aos 33 anos, o espanhol não tem pressa para fechar o vínculo com a McLaren. De acordo com o jornal, Alonso deve aguardar o fim das opções restantes para equipes no ano que vem, além de observar o fim da temporada para analisar em qual carro terá mais chances de realizar o sonho de ser tricampeão.

Alonso está insatisfeito com a Ferrari e a relação piorou ao longo do ano, quando nem sequer esteve perto de vencer uma prova. O desejo de deixar a equipe de Maranello aumentou quando o piloto soube que ainda em 2015 não teria um carro competitivo e também pesou a possível contratação de Sebastian Vettel, que já acertou a saída da Red Bull.


Segundo informações da publicação, a McLaren faz toda questão de contar com o espanhol, que já correu pela escuderia em 2007. A principal exigência da equipe é que o piloto, por mais que demore a decidir o seu destino, possa chegar para trabalhar com a mesma entrega demonstrada desde que chegou à Ferrari, em 2010.

Caso Alonso retorne para a equipe de Woking, deve ter como dupla o dinamarquês Kevin Magnussen, que tem contrato em vigor com a escuderia. Já o campeão mundial de 2009, Jenson Button, pode se transferir para a Le Mans Series e ser colega de equipe do australiano Mark Webber, na Porsche.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.