Clayton de Souza/AE
Clayton de Souza/AE

Alonso lidera segundo treino livre; Rubinho é terceiro

Espanhol surpreende e supera adversários em Interlagos; Barrichello fica em terceiro, com Button em quinto

Milton Pazzi Jr., estadao.com.br

16 de outubro de 2009 | 16h02

SÃO PAULO - O piloto espanhol Fernando Alonso levou a Renault à liderança no segundo treino livre do GP do Brasil de Fórmula 1, nesta sexta-feira, em Interlagos. Enquanto isso, o brasileiro Rubens Barrichello voltou a ficar na frente de seu companheiro de Brawn GP, o inglês Jenson Button, ao terminar a sessão da tarde na terceira posição.

Veja também:

mais imagens GALERIA - As imagens dos treinos livres

linkWebber lidera primeiro treino; Rubinho em 2.º

linkChefão da Fórmula 1 revela torcida por Barrichello

F-1 2009 - tabela Classificação | especialCalendário

especialESPECIAL - Jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

blog SPF1 - Leia mais no blog do GP do Brasil

No primeiro treino desta sexta-feira, realizado de manhã, em Interlagos, Rubinho tinha sido o segundo colocado, atrás apenas do australiano Mark Webber, da Red Bull, enquanto Button terminou em sétimo lugar. Na sessão da tarde, o piloto brasileiro ficou em terceiro e o inglês melhorou sua posição, ficando em quinto.

Assim, Rubinho terminou o dia na frente de seu principal rival na luta pelo título da temporada. Mas Button lidera o campeonato com 85 pontos, com 14 de vantagem sobre o brasileiro. Essa pontuação permite que o inglês possa ser campeão já no GP do Brasil, no domingo, desde que termine a corrida pelo menos na terceira colocação.

Ao contrário do primeiro treino, a chuva não atrapalhou tanto a sessão da tarde. Mas a temperatura estava um pouco mais baixa. Assim, Alonso cravou a melhor volta em 1min12s314, seguido pelo suíço Sebastien Buemi, da Toro Rosso, que fez 1min12s357. Já Rubinho marcou 1min12s459, melhorando o tempo da manhã (1min12s874).

Enquanto isso, o alemão Sebastian Vettel, que também luta pelo título, terminou o segundo treino livre em sétimo lugar. Mas o piloto da Red Bull, que soma 69 pontos no campeonato, é forte candidato para a conquista da pole position na sessão de classificação, que acontece neste sábado, a partir das 14 horas, em Interlagos.

O momento mais curioso do treino foi a confusão entre Giancarlo Fisichella e um fiscal quando a Ferrari do italiano apagou na saída dos boxes. O piloto teve de voltar a pé, terminando a sessão em último lugar. Além disso, teve bastante gente saindo da pista, como Heidfeld, Nakajima, Liuzzi, Trulli e até mesmo Alonso.

Confira os tempos do segundo treino livre:

1) Fernando Alonso (ESP/Renault) - 1min12s314

2) Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso) - 1min12s357

3) Rubens Barrichello (BRA/Brawn GP) - 1min12s459

4) Mark Webber (AUS/Red Bull) - 1min12s514

5) Jenson Button (ING/Brawn GP) - 1min12s523

6) Jarno Trulli (ITA/Toyota) - 1min12s605

7) Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) - 1min12s611

8) Nico Rosberg (ALE/Williams) - 1min12s633

9) Adrian Sutil (ALE/Force India) - 1min12s720

10) Lewis Hamilton (ING/McLaren) - 1min12s749

11) Romain Grosjean (FRA/Renault) - 1min12s806

12) Robert Kubica (POL/BMW) - 1min12s862

13) Kamui Kobayashi (JAP/Toyota) - 1min12s869

14) Kazuki Nakajima (JAP/Williams) - 1min12s929

15) Nick Heidfeld (ALE/BMW) - 1min12s948

16) Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India) - 1min12s950

17) Heikki Kovalainen (FIN/McLaren) - 1min12s992

18) Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) - 1min13s026

19) Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso) - 1min13s041

20) Giancarlo Fisichella (ITA/Ferrari) - 1min13s275

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.