Alessandro Bianchi/Reuters
Alessandro Bianchi/Reuters

Alonso nega privilégios na Ferrari e faz elogios a Massa

Nesta temporada pela Ferrari, Fernando Alonso acredita em forte parceria com o brasileiro Felipe Massa

AE, Agencia Estado

14 de janeiro de 2010 | 13h41

O espanhol Fernando Alonso parece disposto a mudar sua fama neste ano, em sua primeira temporada com a Ferrari.

Conhecido pela rivalidade acirrada com Lewis Hamilton, na McLaren, e pelos privilégios que teve na Renault, nos últimos dois anos, o bicampeão agora fala em igualdade de condições com Felipe Massa. E faz elogios ao companheiro.

"Eu nunca pedi para ser o piloto número 1. O que eu faço é trabalhar com 110% da minha capacidade, e espero que a equipe faça o mesmo", disse Alonso, negando que tenha pedido para ter privilégios, tanto na Ferrari quanto nas equipes que defendeu anteriormente.

O bicampeão também elogiou Felipe Massa, e disse que conta com a ajuda do brasileiro para trabalhar junto da equipe. "Acho que é muito bom ter um piloto que não é novato na equipe, porque se os dois pilotos são recém-contratados, às vezes é mais difícil lidar com os integrantes do departamento técnico", explicou.

"Felipe conhece a equipe, e pode me ajudar, acho que poderemos fazer uma parceria forte", disse Alonso. O espanhol fez questão de dizer que o incidente entre ambos, no GP da Europa de 2007. "Aquilo foi apenas uma corrida, e já passou. Estamos em 2010, e isso aconteceu em 2007, não dá para falar nisso para sempre", afirmou. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.