Marcos Brindicci/Reuters
Marcos Brindicci/Reuters

Antes de etapa britânica da MotoGP, inglês Cal Crutchlow renova com a LCR Honda

Piloto de 32 anos está na escuderia japonesa desde 2015 e ficará por mais duas temporadas

Estadão Conteúdo

23 Agosto 2018 | 11h26

Três dias antes da disputa da etapa da Grã-Bretanha da MotoGP, a equipe LCR Honda anunciou nesta quinta-feira a renovação do contrato do piloto inglês Cal Crutchlow até o final da temporada de 2020 da categoria máxima da motovelocidade.

Na escuderia da montadora japonesa deste 2015, o competidor de 32 anos acumula três vitórias na MotoGP, sendo uma delas obtida em abril passado, na Argentina. Ele também acumula sete pódios e duas pole positions. Atualmente, ocupa a oitava posição do Mundial deste ano, com 103 pontos.

Nesta quinta-feira, Crutchlow festejou o novo compromisso fechado e exibiu otimismo ao projetar os seus próximos objetivos. "Estou muito satisfeito por renovar e estender meu relacionamento com a Honda HRC (divisão da montadora focada em corridas de motos) e com a LCR Honda de novo em 2020. Nós temos todos trabalhado muito duro, temos tido grande sucesso e continuaremos a ter, eu tenho certeza", afirmou o piloto, por meio de declarações divulgadas pela sua equipe.

Com contrato renovado, o britânico participará nesta sexta-feira dos primeiros treinos livres para a etapa realizada no circuito de Silverstone, na Inglaterra, que será palco da 12ª corrida desta temporada, com largada marcada para ocorrer às 9 horas (de Brasília) deste domingo.

O espanhol Marc Márquez, da Honda, é o atual líder disparado do campeonato, com 201 pontos; o italiano Valentino Rossi, da Yamaha, ocupa o segundo lugar, com 142, enquanto o espanhol Jorge Lorenzo, da Ducati, é o terceiro, com 130.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.