Hasan Jamali/AP
Hasan Jamali/AP

Após abandono, Lucas di Grassi não vê razão para desânimo

Com problemas no seu Virgin, ele conseguiu completar apenas três voltas no GP do Bahrein de Fórmula 1

AE, Agencia Estado

14 de março de 2010 | 15h29

O brasileiro Lucas di Grassi teve uma estreia frustrante na Fórmula 1. Com problemas no carro, conseguiu completar apenas três voltas no GP do Bahrein, neste domingo, no circuito de Sakhir. Mesmo assim, ele não vê razão para desânimo e aposta na evolução da também novata equipe Virgin.

Veja também:

linkCORRIDA - Leia como foi a vitória de Fernando Alonso no GP do Bahrein de F-1

\"especial\" CALENDÁRIO - Todas as etapas de 2010

mais imagens GALERIA - Mais imagens da corrida

blog LIVIO - F-1, viagens e tecnologia

"Tive um bom começo da prova e o carro estava indo bem. Acredito que poderíamos fazer uma boa corrida", contou Di Grassi, que foi obrigado a abandonar a disputa do GP do Bahrein quando a sua Virgin teve problemas hidráulicos logo na terceira volta. "Mas não há razões para desanimar."

Di Grassi avisou que irá trabalhar duro com a equipe para desenvolver o carro para a próxima etapa do calendário, dia 28 de março, na Austrália. "Vamos evoluir e arrumar os problemas que tivemos aqui", explicou o brasileiro. "Essa foi apenas a primeira das dezenove corridas."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.