Mark Thompson/AFP
Mark Thompson/AFP

Após ameaçar jornalistas, Verstappen lidera 1º treino livre no Canadá

Piloto da Red Bull, equipe que vem de vitória em Mônaco, foi o mais rápido da sessão de abertura do GP com 1min13s302, 0s088 mais veloz que Hamilton

Estadão Conteúdo

08 Junho 2018 | 13h10

Um dia após ameaçar dar cabeçadas em jornalistas, o holandês Max Verstappen ofuscou suas declarações polêmicas com uma boa performance na pista de Montreal, nesta sexta-feira. Ele liderou o primeiro treino livre do GP do Canadá de Fórmula 1, no Circuito Gilles-Villeneuve, ao desbancar o inglês Lewis Hamilton, líder do campeonato.

+ Confira a classificação da Fórmula 1

O piloto da Red Bull, equipe que vem de vitória em Mônaco, foi o mais rápido da sessão de abertura do GP com 1min13s302. Foi apenas 0s088 mais veloz que Hamilton, com 1min13s390. Verstappen, contudo, anotou a marca com os pneus hipermacios, mais rápidos que os ultramacios, utilizados pelo inglês nesta sexta.

Mostrando que a Red Bull está em bom ritmo no circuito canadense, o australiano Daniel Ricciardo marcou o terceiro melhor tempo, com 1min13s518. Ele vem embalado pela confiança conquistada na vitória em Montecarlo, há duas semanas. Nesta primeira sessão, ele também recorreu aos hipermacios.

Como vem acontecendo com frequência na temporada, o primeiro treino livre foi morno, com a maioria das equipes poupando seus motores. O alemão Nico Hülkenberg foi o único a quebrar a monotonia ao ter um problema em sua Renault, parando no meio da pista. O incidente causou a bandeira vermelha na sessão. A organização da prova chegou a acionar o safety car virtual.

Depois da dupla da Red Bull e da Mercedes, o alemão Sebastian Vettel apareceu na quarta posição na tabela de tempos. O piloto da Ferrari marcou 1min13s574, pouco à frente dos finlandeses Valtteri Bottas (1min13s617) e Kimi Raikkonen (1min13s727). Eles foram o quinto e o sexto colocados.

Perto de completar seu GP de número 300 na Fórmula 1, o espanhol Fernando Alonso registrou o sétimo tempo da sessão de abertura, com sua McLaren, ao anotar 1min13s900. Seu compatriota Carlos Sainz Jr, da Renault, foi o oitavo, com 1min14s116.

O belga Stoffel Vandoorne (McLaren) e o francês Pierre Gasly (Toro Rosso) completaram o Top 10, com 1min14s334 e 1min15s004, respectivamente.

O segundo treino livre em Montreal está marcado para as 15 horas (horário de Brasília), desta sexta-feira. No sábado, a terceira sessão será às 12hs. E o treino de classificação será às 15hs. No domingo, a largada está agendada para às 15h10.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1 Max Verstappen Red Bull Racing

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.