Após bater forte em treino, Massa diz que teve sorte

O brasileiro Felipe Massa foi um dos pilotos que não conseguiu se manter na pista durante a primeira parte do treino de classificação do GP da Austrália, que abre a temporada 2013 da Fórmula 1, no circuito de Melbourne. O piloto da Ferrari se chocou na barreira de pneus na curva 12, mas conseguiu voltar aos boxes. Por isso, avaliou que teve muita sorte no acidente.

AE, Agência Estado

16 de março de 2013 | 10h40

"As linhas que marcam as bordas da pista estavam muito escorregadias. Eu acabei acertando uma delas na saída de curva, perdi o controle do carro, mas confesso que tive sorte. Em toda a minha carreira, nunca consegui voltar à pista depois de um impacto tão forte e estou feliz por continuar no treino de classificação", disse.

Massa afirmou que concordou com a decisão dos comissários de adiar as duas partes finais do treino de classificação em razão da forte de chuva que atingiu o circuito australiano, além da falta de Luiz natural. A atividade será retomada às 21 horas deste sábado (no horário de Brasília).

"Outros pilotos estavam em situação de risco, então eu aprovo a decisão tomada pelos comissários de prova. No seco, estamos próximos dos líderes, então agora temos que consertar as partes danificadas", afirmou Massa, que ficou na sexta colocação no Q1, apesar da batida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.