Após treino, Massa diz que Ferrari está no caminho certo

O fato de ter sido mais lento do que Hamilton nos treinos livres na China não preocupa o brasileiro

AE, Agencia Estado

17 de outubro de 2008 | 09h02

O brasileiro Felipe Massa aprovou o trabalho da Ferrari no primeiro dia de treinos para o GP da China, penúltima etapa da temporada da Fórmula 1. Vice-líder do campeonato, ele fechou as sessões livres na sexta posição, a 0s730 de Lewis Hamilton, que está cinco pontos à sua frente na disputa pelo título.Veja também: Lewis Hamilton conquistará o título do Mundial de F-1 na China? Hamilton vai desperdiçar título outra vez, prevê BriatoreLewis Hamilton lidera 2.º treino livre da F-1 na ChinaHamilton supera Massa no 1.º treino livre da F-1 na China"Fizemos um bom trabalho e acho que seremos competitivos nessa pista", disse Massa, que citou um problema de estabilidade como a única preocupação da equipe no circuito de Xangai. "Nosso desempenho melhorou um pouco depois que a pista tornou-se mais aderente. No primeiro treino, o carro estava um pouco nervoso, mas depois, especialmente na parte final do segundo treino, a dirigibilidade melhorou. Acho que estamos no caminho certo", avaliou.Sobre seu objetivo para a prova, Massa não titubeou. "Minha meta no fim de semana? É óbvio: tentar vencer ou, no mínimo, marcar o maior número possível de pontos."

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1GP da ChinaFelipe Massa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.