Audi domina as 24 horas de Le Mans

A Audi confirmou o favoritismo e tornou-se bicampeã das 24 Horas de Le Mans. Na 69ª edição da prova, encerrada neste domingo, a fábrica alemã fez também a dobradinha. A vitória foi do trio composto por Frank Biela (Alemanha), Tom Kristensen (Dinamarca) e Emanuelle Pirro (Itália), com Laurent Aiello (França), Rinaldo Capello e Christian Pescatori (ambos da Itália) em segundo lugar. Os dois trios correram com modelos Audi R8. O terceiro lugar ficou com Andy Wallace (Inglaterra), Butch Leitzinger (EUA) e Eric Van De Poele (Bélgica), com um Bentley equipado com motor Audi.Desta vez, as 24 Horas de Le Mans foram marcadas pela chuva que caiu durante a maior parte da disputa. A largada foi dada com pista seca, mas a partir da terceira volta começou a chover. O mau tempo continuou praticamente até a bandeirada final. Como reflexo, este ano a prova foi completada em 321 voltas pelo circuito de 13,605 metros. Em 2000, foram 368 voltas.A vitória no ano passado também foi do trio Biela/Kristensen e Pirro. Desta vez, os vencedores assumiram a liderança ao final da segunda hora de competição. Ao cruzar a bandeirada, o Audi era conduzido pelo italiano. "Foi muito duro, muito mais difícil do que no ano passado??, afirmou Pirro, em referência à chuva, que contribuiu para muitas rodadas e batidas em barreiras de proteção. "Levamos vários sustos, principalmente à noite, mas graças a Deus não houve acidentes graves.?? Apenas 21 dos carros 48 que iniciaram a prova chegaram ao final.A última vez que um mesmo trio havia ganho duas edições consecutivas das 24 horas de Le Mans ocorrera em 1986 e 1987, com Hans Stuck, Derek Bell e Al Holbert.Kristensen obteve neste domingo o seu terceiro triunfo na prova, que ele também havia vencido em 1997, então pilotando um Porsche 962 C.

Agencia Estado,

17 de junho de 2001 | 11h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.