Bahrein espera realizar GP de F1 em 2011

Prova foi cancelada devido a violentes confrontos entre manifestantes e forças do governo

Efe

13 de abril de 2011 | 09h55

MADRI - Os responsáveis do circuito do Bahrein, cujo GP de Fórmula 1 estava previsto para 13 de março e que foi suspenso por razões de segurança, ainda acreditam que a corrida pode ser disputada este ano, uma vez apaziguadas as revoltas contra o governo do país.

O diretor do circuito, o xeque Salman bin Hamad bin Isa Al-Khalifa, declarou à agência local Bahrain News que ainda não foi tomada uma decisão a respeito, mas que "estão sendo feitos todos os esforços para que a corrida seja disputada em uma nova data, agora que se restabeleceu a segurança".

O GP do Bahrein foi cancelado em fevereiro devido a confrontos entre manifestante populares e forças do governo. A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) deu à federação bareinita prazo até 1º de maio para que confirme se a corrida pode ser organizada em uma nova data.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.