Barrichello compara sua situação com a do Corinthians

'Não sei se é mais difícil o Corinthians ficar na primeira divisão ou eu marcar pontos', brinca

Erica Akie, Jornal da Tarde

16 de outubro de 2007 | 19h34

Depois de uma temporada desastrosa, Rubens Barrichello aprendeu a rir da própria desgraça. Sem pontuar em nenhuma das 16 etapas deste ano, o piloto da Honda entregou os pontos nesta terça-feira, em entrevista coletiva. Veja também: Massa quer vencer GP do Brasil e ajudar Kimi Raikkonen Classificação do Mundial de F-1 Fórmula 1: a matemática do título de 2007  Quem será o campeão da Fórmula 1? Leia mais no Blog do Lívio Dê uma volta pelo Circuito de Interlagos Comparou sua situação atual com a do Corinthians, seu time de coração. "Não sei quem está pior. Não sei se é mais difícil o Corinthians ficar na primeira divisão ou eu marcar pontos", disse Rubinho, que já renovou com a Honda para 2008. Felipe Massa, são-paulino, ainda brincou com o amigo: "Quem sabe assim ele muda de time..."Barrichello também ironizou quando questionado sobre a diferença de correr em Interlagos, o único circuito com sentido anti-horário da temporada. "Meu carro é tão lento que nem me cansa", respondeu. "Foi um ano em que não conseguimos desenvolver nada."De qualquer forma, o veterano, que disputará o GP do Brasil pela 15ª vez, fez questão de dizer que vai tentar pontuar para a Honda. "Para mim, não muda se eu não fizer pontos em casa. O meu trabalho vai continuar. Mas seria bom para acabar com esses comentários sobre a má fase."Outra pergunta que Rubinho teve de responder: "Você não pensa em parar?" Diplomático, o piloto disse que não pensará nisso até o ano que vem. "Estou muito feliz e não corro só por correr ou pelo dinheiro. Renovei com a minha equipe para 2008. Depois disso, terei três possibilidades: ou eu continuo na Honda, ou mudo de equipe, ou paro de correr. Mas isso ainda demora para eu decidir."

Tudo o que sabemos sobre:
Rubens BarrichelloHondaFórmula 1

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.