Christof Stache/AP
Christof Stache/AP

Barrichello considera erro na Alemanha 'página virada'

Ele promete brigar pelo título enquanto tiver chances e fala em melhorias no Brawn GP na Hungria

13 de julho de 2009 | 10h47

SÃO PAULO - Rubens Barrichello avisa: o sexto lugar no GP da Alemanha de Fórmula 1 e a irritação com a equipe Brawn GP - que teria errado a estratégia, o que lhe tirou da liderança da prova - já é coisa do passado. "Foi chato ter perdido ontem (domingo), mas já virei a página", diz, via twitter.

Veja também:

linkBarrichello critica a Brawn GP por 6.º lugar

tabela F-1: classificação do Mundial

especial Confira o calendário da temporada

especial ESPECIAL: jogue o Desafio dos Pilotos

Ele acredita que poderia ter conseguido pelo menos um pódio se tivesse realizado duas ao invés de três paradas. "Não dava pra ganhar a prova com os Red Bulls andando meio segundo mais rápido. Mas sem o problema no pit dava pra chegar em 3.º". Ele reforça ainda a irritação. "Fiquei muito p... ontem (domingo)".

O brasileiro, que caiu da vice-liderança para o quarto lugar na classificação do Mundial de pilotos (44 pontos, contra 47 de Sebastian Vettel, o novo segundo colocado), reforça o pensamento positivo projetando as próximas corridas. "Enquanto tivermos chances matemáticas vamos brigar... Isso eu prometo".

"Na Hungria estará calor e teremos um grande upgrade aerodinâmico", completa. A corrida no circuito de Budapeste será no domingo, dia 26. Até lá, ele descansa com a família em Orlando, nos Estados Unidos, já que não existem mais testes durante a temporada da Fórmula 1.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Rubens BarrichelloBrawn GP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.