Barrichello escolhe celebrar recorde de provas na F1 na Turquia

O piloto brasileiro Rubens Barrichellovai comemorar seu recorde de 257 grandes prêmios na Fórmula 1na Turquia no mês que vem, apesar das divergências sobrequantas corridas ele iniciou. "Em vista da falta de consenso sobre qual corridaespecífica marca o 257o grande prêmio de Rubens, ele vaicomemorar o recorde... no Grande Prêmio da Turquia, em 11 demaio", disse a Honda, equipe do brasileiro, em um comunicadodivulgado nesta segunda-feira. Barrichello, 35, estreou na categoria na equipe Jordan, noGP da África do Sul, em 1993, e está em sua 16a temporada. De acordo com suas contas, o piloto vai igualar o recordedo italiano Riccardo Patrese de 256 largadas --estabelecidoentre 1977 e 1993-- no domingo, no GP da Espanha. No entanto, o Grand Prix Guide, um anuário compilado peloestatístico Jacques Deschenaux, coloca a conta de Barrichelloem 250 corridas no início da temporada 2008 --um número quetornaria a corrida em Istambul a sua 255a. Essa contabilidade não inclui o trágico GP de San Marino de1994, manchado pelas mortes de Ayrton Senna e do austríacoRoland Ratzenberger. Barrichello não participou da prova porconta de um grave acidente na sexta-feira. Os GPs da Espanha e da França em 2002, para os quais obrasileiro se classificou mas não competiu depois de problemasantes da volta de abertura, também não foram incluídos no guia. O guia, no entanto, lista o GP da Bélgica de 1998, que foireiniciado sem o ex-piloto da Ferrari depois de ele se envolverem um acidente na primeira volta. O brasileiro, que venceu nove corridas com a Ferrari e tem61 pódios na carreira, não marca pontos desde o Grande Prêmiodo Brasil de 2006. Seu contrato com a Honda termina no finaldesta temporada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.