Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Barrichello nega voltar à F-1 pela Caterham em 2013

Piloto garantiu que não tem nada definido para o ano que vem

CIRO CAMPOS, Agência Estado

25 de novembro de 2012 | 10h45

SÃO PAULO - O piloto brasileiro Rubens Barrichello negou estar negociando com a equipe Caterham para a temporada 2013 da Fórmula 1 e garantiu que ainda não tem definido qual o seu destino para o ano que vem. "Com certeza estarei guiando alguma coisa competitiva, mas ainda é muito cedo para falar e tenho recebido muitos convites. Vamos aguardar", disse.

Neste ano o piloto participou da temporada da Fórmula Indy pela KV Racing depois de 19 anos na Fórmula 1, período que o faz ser recordista de GPs na categoria, com 326. Ainda em 2012, ele assinou contrato para participar de três provas pela Stock Car, das quais duas já disputou.

Barrichello está no autódromo de Interlagos para acompanhar o GP do Brasil. Sobre a disputa do título da Fórmula 1, o brasileiro aposta na vitória do alemão Sebastian Vettel, mesmo com a possibilidade de chuva. "Tudo pode acontecer em Interlagos. Já corri no kartódromo com metade da pista molhada e outra metade dela seca. As coisas são muito imprevisíveis por aqui", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.