Barrichello passa por tratamento em SP

O piloto Rubens Barrichello, da Ferrari, ficou por uma semana em São Paulo em recuperação médica. Barrichello sentiu uma dor aguda nas costas ainda quando fazia testes para a sua escuderia no autódromo de Imola, na Itália. Preocupado, o piloto ligou para o médico ortopedista Moisés Cohen. Posteriormente, Barrichello decidiu parar com os testes que vinha fazendo para dar mais atenção ao seu problema. Barrichello deixou a Itália e desde quarta-feira (26) vem se submetendo a tratamento. O médico Moisés Cohen é um dos maiores especialistas brasileiros em medicina esportiva. Na tarde deste sábado ele embarcou para a Nova Zelândia, onde participa de um congresso sobre esse assunto.Segundo o médico, o piloto ainda não está 100%, mas terá condições de estar no GP da Austrália, dia 9 de março, prova que abre o calendário mundial da Fórmula 1. ?O problema é muscular e ele apresentou uma pequena contratura na região. O quadro se agravou devido à trepidação do carro. Mas nada que preocupe para a corrida?, disseBarrichello passou por sessões noturnas de tratamento na clínica de Cohen, no bairro de Cidade Jardim, em São Paulo, nos últimos dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.