BMW espera mudar a ordem das coisas na Fórmula 1

A BMW Sauber assumiu a liderança doMundial de Fórmula 1 pela primeira vez em sua história no fimde semana, reforçando a posição de forte ameaça ao domínio deFerrari e McLaren na categoria. O chefe da equipe, Mario Theissen, espera que o próximoGrande Prêmio da Espanha represente mais um progresso para aescuderia, cujo principal objetivo da temporada e conquistarsua primeira vitória. A atual campeã Ferrari e a McLaren venceram entre si asúltimas 21 corridas. "O próximo passo será Barcelona e nós temos uma chance detestar lá antes da corrida, e todas as equipes terão progressoslá", disse Theissen à Reuters após o Grande Prêmio do Barein,no domingo. "Isso pode mudar a ordem das coisas, dependendo da forçados pacotes de desenvolvimento das equipes. Temos um bom pacoteno lado aerodinâmico, e também em nosso chassis." No Barein, a BMW Sauber viveu ser melhor fim de semana, como polonês Robert Kubica assegurando a primeira pole position desua carreira e da equipe e terminando em terceiro lugar -- seuterceiro pódio em três corridas. A equipe não teve problemas técnicos e Kubica não ficoumuito distante da dupla da Ferrari no final da corrida. A Ferrari conquistou sua primeira dobradinha da temporadacom o brasileiro Felipe Massa marcando seus primeiro pontos, aorepetir a vitória do ano passado em Sakhir. O alemão Nick Heidfeld terminou em quarto, levando a BMWSauber ao primeiro lugar do campeonato, com um ponto devantagem para a Ferrari. A McLaren está mais um ponto atrás. "O potencial de rendimento do nosso carro é bem maior doque o carro do ano passado, e quanto mais você vai ao limite,mais difícil é explorar esse potencial", disse Theissen. "Certamente nós somos uma das três melhores equipes agora,e depende do rendimento diário quem está na frente. Não éapenas o rendimento do carro, você precisa fazer a sua partetambém", disse ele.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.