Bottas vê equipe Williams na direção certa na Fórmula 1

Em 8º lugar no campeonato, o piloto finlandês afirma estar feliz em poder competir com o companheiro de equipe, Felipe Massa

AE, Agência Estado

19 de junho de 2014 | 18h05

Dois anos como piloto titular da Willians. Este é o currículo do finlandês Valtteri Bottas entre os 22 que disputam a temporada da Fórmula 1. Por enquanto, tem sido suficiente para superar seu companheiro na equipe Williams, o veterano brasileiro Felipe Massa, que tem menos da metade de seus pontos nas sete etapas já disputadas, mesmo com a experiência de mais de dez anos na categoria.

Bottas é atualmente o oitavo colocado do campeonato, com 40 pontos, enquanto Massa ocupa a 11ª colocação, com 18. O finlandês afirma estar "feliz em poder competir com Massa" e admite que é sempre um de seus objetivos poder desafiar o companheiro de equipe. No entanto, ressalta que a disputa não atrapalha o ambiente interno. "Na Williams, nós sempre compartilhamos os dados. Depois de cada corrida, nós analisamos o que fez o outro carro", revela.

O piloto destaca a melhora da equipe em relação à última temporada, mas diz que o plano é voltar a disputar o título mundial. "Nós estamos constantemente lutando por resultados em torno do sexto lugar, o que é muito bom se compararmos com 2013. Nós esperávamos um salto ainda maior, mas a equipe está na direção certa", analisa.

Perguntado se tem recebido propostas de outras escuderias, o finlandês respondeu estar "feliz na Williams". "Não é meu trabalho ficar olhando para outros times. Estou focado na temporada, a Williams abriu as portas da Fórmula 1 para mim e acredito que ficando aqui posso chegar longe", diz Bottas.

Bottas, assim como a maior parte dos pilotos do atual grid da Fórmula 1, nunca correu no palco do GP de domingo, o circuito de Spielberg, na Áustria - a etapa austríaca ficou 11 anos fora do calendário da Fórmula 1. O piloto, no entanto, disse gostar do formato estreito do circuito, "com pouco espaço para erros e muitas retas, onde nossa equipe se destaca", e afirmou esperar que a equipe dispute "entre a sexta e a oitava posição" na prova.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1WilliamsBottas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.