Brasileiros começam mal GP da Malásia

A exemplo do ocorrido no GP da Austrália, em que os três pilotos brasileiros na F-1 viram-se fora da prova ainda na largada, nesta sexta-feira eles também não puderam terminar os treinos livres. Os três pararam na pista. Rubens Barrichello, da Ferrari, teve problemas de motor, quando faltavam 15 minutos para o fim da sessão da tarde. Ficou com o sétimo tempo, 1min39s279. Enrique Bernoldi, da Arrows, vinha realizando belo trabalho até rodar na veloz curva 13, ainda com 24 minutos de treino. Seu tempo, 1min41s095, era tão bom que acabou em 15.ª, mesmo com quase todos melhorando as respectivas marcas. Já Felipe Massa, da Sauber, vinha imediatamente atrás de Bernoldi e para não bater desviou o carrro e ficou na caixa de brita. As duas primeiras parciais dele naquela volta o colocariam entre os dez primeiros. Terminou em penúltimo, 1min41s917, por não treinar mais.

Agencia Estado,

15 Março 2002 | 14h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.