Brawn diz que Barrichello continuará na Honda em 2009

Chefe da equipe diz que está satisfeito com os atuais pilotos, desmentindo possível acerto com Alonso

AE, Agencia Estado

18 de julho de 2008 | 13h55

O brasileiro Rubens Barrichello continuará na Honda em 2009, segundo o chefe da equipe, Ross Brawn. Em entrevista ao site oficial Fórmula 1, o dirigente afirmou que a equipe deve manter a dupla de pilotos na próxima temporada, o que garante também a permanência do inglês Jenson Button.Veja também: Lewis Hamilton fecha sexta-feira à frente em HockenheimQuestionado sobre as negociações envolvendo os pilotos para 2009, Brawn afirmou que a Honda acredita no potencial de sua dupla. "Não estamos pensando em grandes mudanças no que diz respeito aos pilotos", disse. Ao ser indagado se a declaração significava a permanência da dupla, Brawn limitou-se a dizer "sim", confirmando a tendência a renovar o acordo de Barrichello, que termina no fim deste ano. A Honda chegou a ser apontada pela imprensa espanhola como uma opção para Fernando Alonso. Insatisfeito na Renault, o bicampeão ainda procura uma equipe para a próxima temporada. Caso a permanência de Barrichello na Honda seja confirmada, ele irá para sua quarta temporada na equipe, e ampliará ainda mais o recorde de GPs disputados na Fórmula 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.