Divulgação
Divulgação

Bruno Senna é confirmado na Campos em sua estreia na F-1

Equipe anuncia oficialmente o brasileiro para a temporada de 2010. A outra vaga permanece em aberto

31 de outubro de 2009 | 11h01

SÃO PAULO - A Campos Meta colocou um ponto final nas especulações e confirmou neste sábado a contratação de Bruno Senna para 2010. Enrique Rodríguez de Castro, presidente da Meta Image e CEO da equipe, destacou a rápida trajetória do brasileiro desde que voltou a competir, em 2004, na Fórmula BMW, 11 anos após a morte do tio Ayrton.

Veja também:

link Brasileiro Bruno Senna estará na Fórmula 1 em 2010

especialESPECIAL - Jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

"Vínhamos acompanhando-o muito de perto desde seu início nas categorias de base e testemunhamos a rapidez com que desenvolveu sua velocidade e habilidade na GP2 para se tornar um dos mais promissores jovens pilotos de sua geração. É impressionante que tenha chegado ao cenário da Fórmula 1 depois de apenas poucos anos no automobilismo", disse o dirigente espanhol.

"Para a Campos Meta é uma enorme honra trazer o nome Senna de volta à Formula 1. O acordo com Bruno Senna confirma e reforça nosso objetivo primeiro de não ser apenas uma equipe espanhola na Fórmula 1, mas sobretudo a primeira equipe ibero-americana de Fórmula 1”, acrescentou Rodríguez de Castro. "A Copa do Mundo de 2014, os Jogos Olímpicos de 2016, três pilotos na Fórmula 1 - parece claro que o Brasil está acontecendo.”

Com a estreia finalmente assegurada na principal categoria série do automobilismo mundial, Bruno se mostrou animado com a vaga na equipe novata. "Estou absolutamente contente de realizar o sonho de uma vida. Agora é hora de estabelecer novos objetivos. O projeto que a Campos Meta desenvolveu foi concebido para ser bem-sucedido tanto dentro quanto fora das pistas.”

Jose Ramón Carabante, presidente da Campos Meta, e o diretor geral Adrian Campos darão mais detalhes sobre o acordo em coletiva de imprensa em Murcia (Espanha) ainda a ser confirmada.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Bruno SennaCampos Meta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.