Andre Penner/AP
Andre Penner/AP

Bruno Senna lamenta abandono em 'acidente de corrida'

Piloto brasileiro larga em 11.º lugar e sai da pista na primeira volta

FELIPE ROSA MENDES, Agência Estado

25 de novembro de 2012 | 17h48

Bruno Senna disputou neste domingo o terceiro GP do Brasil de Fórmula 1 na sua carreira e ficou novamente sem pontuar. Dessa vez, foi ainda pior: a prova do brasileiro acabou logo na primeira volta, com um acidente que o fez abandonar a corrida. Assim, ele deixou o circuito de Interlagos frustrado.

Depois de largar em 11º lugar, Bruno Senna acabou batendo no alemão Sebastian Vettel ainda primeira volta. Enquanto o piloto da Red Bull continuou na prova e, com uma sexta colocação, conquistou o título da Fórmula 1, a Williams do brasileiro ficou avariada e provocou seu abandono.

"Tive uma boa largada e estava indo bem, mas infelizmente tive a batida com o Vettel quando ele tentou fazer a curva e não tinha espaço. Isso é corrida e algumas vezes essas coisas acontecem", afirmou Bruno Senna, que aproveitou para agradecer os torcedores brasileiros pelo apoio em Interlagos.

Nos dois últimos anos, Bruno Senna também disputou o GP do Brasil, mas ficou longe da zona de pontuação: conseguiu o 21º lugar em 2010, pela Hispania, e o 17º em 2011, pela Renault. Agora, com o resultado deste domingo, ele termina a temporada 2012 na 16ª posição do campeonato, com 31 pontos somados.

Aos 29 anos, Bruno Senna vive agora a expectativa pela permanência na Fórmula 1. Ele ainda não tem contrato assinado para a próxima temporada e espera uma definição da direção da Williams para saber se continua na equipe ou se terá que buscar outra vaga no grid da categoria em 2013.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1GP do BrasilBruno Senna

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.