Valdrin Xhemaj/Efe
Valdrin Xhemaj/Efe

Bruno Senna minimiza 3º lugar em treino na Hungria

Apesar de ter ficado satisfeito, piloto da Williams diz que isso não vai se repetir no sábado

AE, Agência Estado

27 de julho de 2012 | 15h33

BUDAPESTE - O brasileiro Bruno Senna ficou fora do primeiro treino livre para o GP da Hungria, mas mesmo assim terminou a sexta-feira, 27, na terceira colocação ao se destacar na segunda atividade do fim de semana em Budapeste. Apesar de ter ficado satisfeito com o seu desempenho, o piloto da Williams ressaltou que o resultado não vai se repetir no treino de classificação de sábado.

"Estamos competitivos, mas não creio que esta seja a nossa realidade. A tendência é que amanhã todos melhorem. Nossa meta continuará sendo a de ficar entre os 10 melhores e chegar ao Q3", explicou o brasileiro, que foi apenas 0s258 mais lento do que o inglês Lewis Hamilton, da McLaren, piloto mais rápido do dia.

Bruno Senna gostou tanto do comportamento do seu carro que até minimizou o fato de ter perdido o primeiro treino livre, quando foi substituído pelo finlandês Valtteri Bottas. "Perder qualquer treino faz diferença, mas hoje o carro estava mais perto do balanço que gosto. E entrar na pista já com referências mais próximas da nossa realidade sempre ajuda. E espero que continue ajudando por todo o fim de semana", disse.

Como o GP da Hungria é disputado em uma pista muito travada, Bruno Senna ressaltou a importância de conquistar uma boa posição de largada no sábado. "O treino de classificação será muito importante aqui, por causa das conhecidas dificuldades de ultrapassagem. E os pneus se comportaram bem em séries curtas de voltas. Se continuar assim amanhã será ótimo", afirmou.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1GP da HungriaBruno Senna

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.