Buemi diz que está pronto para pressão da F-1

Piloto suíço está feliz por ter a chance de correr ao lado de Lewis Hamilton, Kimi Raikkonen e Fernando Alonso

AE, Agencia Estado

13 de janeiro de 2009 | 12h44

O piloto suíço Sebastien Buemi, que estreia em 2009 na Fórmula 1 correndo pela Toro Rosso, afirmou que está preparado para suportar a pressão que enfrentará na principal categoria do automobilismo mundial. "A pressão faz parte do jogo e a enfrentei no kart, na Fórmula 3, na Fórmula BMW e na GP2. Estou perfeitamente preparado", garantiu o piloto, que fará sua primeira corrida no dia 29 de março, o GP da Austrália."Eu me preparei a vida toda para estar na Fórmula 1, e quando se chega até aqui, tudo o que passou fica para trás", completou Buemi, que não obteve bons resultados na principal categoria de acesso - foi apenas o sexto colocado na GP2 em 2008, com 50 pontos, contra 76 do campeão Giorgio Pantano. "Estou preparado, mas é claro que vou precisar de algumas corridas para ganhar o ritmo certo", explicou.Aos 20 anos, Buemi deve ser o piloto mais jovem do grid e possivelmente o único estreante, a não ser que Bruno Senna consiga uma vaga na própria Toro Rosso ou na sucessora da Honda., se vingar alguma negociação. E terá a responsabilidade de substituir Sebastian Vettel, que foi para a Red Bull depois de fazer um brilhante trabalho com a Toro Rosso, conquistando inclusive a primeira vitória da equipe, no GP da Itália.Ele diz, no entanto, que não teme a responsabilidade, nem o fato de dividir a pista com três campeões mundiais: Lewis Hamilton, Kimi Raikkonen e Fernando Alonso. "Vendo pela TV, sempre quis fazer parte daquilo. Admiro os grandes pilotos, mas vou encarar todos eles como adversários agora, e não mais como ídolos", avisou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.