Buemi vence em Londres e esquenta briga com brasileiros por título da Fórmula E

Promete ser emocionante a disputa pelo título da primeira temporada da Fórmula E. Neste sábado, Nelsinho Piquet tinha a oportunidade de garantir a taça na primeira das provas da etapa de Londres, mas se estranhou com o rival Lucas di Grassi, também brasileiro, e terminou apenas em quinto. O suíço Sebastian Buemi venceu e chegou na briga.

Estadão Conteúdo

27 de junho de 2015 | 13h45

Às vésperas da última prova do ano, neste domingo, Nelsinho tem 138 pontos, contra 133 de Buemi e 125 de Lucas di Grassi, que perdeu a segunda colocação na classificação geral para o piloto suíço. O belga Jerome D''Ambrosio é o quarto, mas não disputa o título.

A corrida deste sábado aconteceu em um circuito estreitíssimo dentro de um parque de Londres. Por conta do risco de um grande enrosco na primeira curva, a largada e a primeira volta foram com safety car. Melhor para Buemi, que manteve a primeira posição.

Disputa, só pelo terceiro lugar, uma vez que D''Ambrosio não ameaçava o suíço. Quando Nelsinho resolveu usar seu estoque de energia para tentar ultrapassar Di Grassi, acabou fechado. Os brasileiros se tocaram e perderam tempo. O francês Jean-Éric Vergne aproveitou. Passou Nelsinho e, pouco depois, chegou e também deixou Di Grassi para trás.

O filho de Nelson Piquet ainda tentou a ultrapassagem sobre Di Grassi mais uma vez, mas usou o estoque de energia na hora errada e não chegou a conseguir colocar seu carro ao lado do rival. Nicolas Prost fechou em sétimo, enquanto Bruno Senna foi apenas o 16.º. Simona de Silvestro estreou no 12.º lugar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.