Jean-Eric Vergne (@JeanEricVergne)/Twitter
Jean-Eric Vergne (@JeanEricVergne)/Twitter

Campeão antecipado, Vergne fecha o ano com vitória na Fórmula E

Brasileiro Lucas Di Grassi, que largou em quinto, fez uma boa corrida e ficou em segundo

Estadão Conteúdo

15 de julho de 2018 | 17h38

No dia seguinte de garantir o título da Fórmula E, o francês Jean-Eric Vergne fechou a temporada com chave de ouro ao vencer neste domingo a segunda etapa de Nova York. No sábado, o piloto da Techeetah terminou a prova na quinta colocação e o resultado foi o suficiente para que ficasse com o troféu de 2017/2018.

+ Márquez vence, mantém hegemonia na Alemanha e dispara na ponta da MotoGP

+ Felipe Massa é confirmado na Corrida do Milhão da Stock Car

Neste domingo, a quarta vitória do francês na temporada veio de maneira tranquila. Ele largou em terceiro lugar e assumiu o primeiro lugar já nas primeiras voltas. O brasileiro Lucas Di Grassi, que largou em quinto, fez uma boa corrida e ficou muito próximo de conseguir a terceira vitória consecutiva na temporada.

Mas, apesar de pressionar Vergne nas voltas finais, o brasileiro da Audi Sport terminou na segunda colocação. O sétimo pódio seguido de Di Grassi garantiu a ele o vice-campeonato na classificação final, ultrapassando o britânico Sam Bird, que ficou em décimo neste domingo e fechou em terceiro no geral.

O alemão Daniel Abt, também da Audi Sport, completou o pódio na etapa deste domingo. A segunda e a terceira colocações serviram para dar à Audi Sport o título do Mundial de Construtores. A equipe chegou para a etapa final em segundo lugar, mas conseguiu deixar os chineses da Techeetah para trás por dois pontos de diferença.

O suíço Sébastien Buemi havia feito a pole, mas não teve forças para permanecer entre os primeiros e fechou em quarto lugar. O sueco Felix Rosenqvist terminou na quinta colocação, à frente do australiano Mitch Evans. O outro brasileiro do grid, Nelsinho Piquet, ficou em sétimo. O alemão Nick Heidfeld foi o oitavo, com seu compatriota André Lotterer em nono. O britânico Sam Bird fechou o Top 10.

A disputa deste domingo quase que não aconteceu por conta da tempestade com raio que caiu no local horas antes da largada. A organização do evento chegou a declarar que o evento estava sob risco. Mas depois o tempo melhorou e a largada foi confirmada para às 16h03, como programado inicialmente.

A temporada 2018/2018 da Fórmula E contará com mais um brasileiro no grid. O veterano Felipe Massa assinou contrato com a Venturi por três anos. A disputa recomeçará em 15 de dezembro, na Arábia Saudita, e terá carros novos. Diferentemente de todas as outras edições, os pilotos não precisarão mais trocar de carro durante uma corrida.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.