Duda Bairros/Stock Car
Duda Bairros/Stock Car

Chefe de equipe na Stock Car, Amadeu Rodrigues morre em acidente em Uberlândia

Dirigente da Hot Car estava com a esposa e mais sete membros em uma van que bateu contra a traseira de uma carreta

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de novembro de 2020 | 13h05

Morreu na noite de sábado, em um acidente no km 640 da BR-365, na região de Uberlândia, o ex-piloto e chefe de equipe na Stock Car, Amadeu Rodrigues, aos 65 anos. O dirigente da Hot Car voltava com a esposa, Cibele Maria Lourenço Rodrigues Alves Silva, de 63 anos, e sete membros da equipe da etapa do Campeonato Brasileiro de Endurance, realizada no final de semana em Goiânia, quando a van em que estava bateu contra a traseira de uma carreta.

A suspeita é de que Amadeu tenha sofrido um mal súbito. Ele dirigia o veículo, não resistiu e morreu no local. A esposa, que sofreu fratura na perna, e mais quatro membros da equipe foram socorridos pelo 5º Batalhão de Bombeiros do Triângulo Mineiro e levados a hospitais do entorno de Uberlândia. Os outros três integrantes do veículo sofreram apenas escoriações e já foram liberados.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a van acertou a traseira de um caminhão perto da entrada de Uberlândia. O Corpo de Bombeiros, além da Ecovias, concessionária que administra a rodovia, também estiveram no local do acidente. O motorista da carreta não se machucou.

Amadeu Rodrigues deixa a esposa, Cibele, e as filhas Barbara e Juliana, além de muitos amigos e admiradores no universo do automobilismo brasileiro.

"Uma vida inteira de amor pelo automobilismo, assim se pode resumir a trajetória de Amadeu Rodrigues", definiu Carlos Col, presidente da Vicar, promotora da Stock Car. "Dedicação pelo esporte é a marca que ele nos deixa como exemplo. Que Deus abençoe e conforte a família, que esteve sempre ao seu lado vivendo intensamente esta paixão", resumiu.

"Essa é uma notícia muito triste para quem conviveu com o Amadeu. Fui seu piloto durante quatro anos na Copa Fiat e, coincidentemente, foi para a sua equipe que consegui o primeiro patrocínio na Stock Car, quando ele tinha como pilotos o Rodrigo Hanashiro e o Hélio Saraiva. Infelizmente ele se foi, mas de várias formas estará sempre no coração dos profissionais e fãs da Stock Car", comentou Fernando Julianelli, vice-presidente comercial e de marketing da Vicar.

CARREIRA

A vida de Amadeu Rodrigues, de 65 anos, foi muito conectada ao automobilismo. Ex-piloto de sucesso, notabilizou-se pelo talento ao volante e, mais tarde, pelo gosto pelo lado técnico do esporte, fato que o levou para a posição de chefe de equipe em diversas categorias.

Ao longo das décadas, seja como piloto ou chefe de equipe, Amadeu colecionou pódios e vitórias nas mais variadas categorias, como a registrada na Stock Car em Santa Cruz do Sul, 2014, com o piloto Rafa Mattos.

Ele foi campeão da extinta Divisão 3. Fundou a Hot Car Competições em 1980 e, como dirigente da equipe, faturou também o Brasileiro de Marcas e Pilotos (1991) e a Copa Clio (2003). Voltou a pilotar em 2008 e 2009, desta vez na sua equipe, e foi bicampeão do Campeonato Brasileiro de Endurance (Grupo 4). No Mercedes-Benz Challenge, sob seu comando, a Hot Car foi campeã da temporada 2014 e conquistou pódios em 2015, 2016, 2017 e 2018.

SUPERAÇÃO

Em 1989, quando tinha 34 anos, Amadeu sofreu um acidente na etapa de Tarumã (RS) do Campeonato Brasileiro de Marcas e Pilotos. A batida rompeu o tanque de combustível e todo o álcool foi jogado para dentro do habitáculo do veículo. Durante 40 segundos, o piloto ficou preso no carro em chamas e sofreu queimaduras em 75% do corpo, a maior parte de terceiro grau. A luta pela vida durou quatro meses na UTI, e ainda foi necessário mais um ano para a recuperação total. Ao todo, foram mais de 40 cirurgias.

Nos últimos anos, Amadeu Rodrigues passou a lutar contra um câncer, que apesar de o ter debilitado, não o tirou dos autódromos. O profissional foi ainda peça importante no processo de montagem dos novos Toyota Corolla e Chevrolet Cruze do projeto 2020 da Stock Car.

Na atual temporada da Stock Car, a Hot Car conta com o piloto Tuca Antiniazzi no grid, além de Guilherme Salas e Alexandre Auler no Brasileiro de Endurance.

Tudo o que sabemos sobre:
automobilismoStock Car

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.