Com campeão da GP2, McLaren faz melhor tempo em testes de pneus da F1 em Abu Dabi

As atividades da Fórmula 1 em 2015 foram encerradas definitivamente nesta terça-feira. No circuito de Yas Marina, em Abu Dabi, onde no último domingo aconteceu a etapa final do campeonato com a vitória do alemão Nico Rosberg, da Mercedes, aconteceu um teste final, no qual a Pirelli disponibilizou os pneus que estão sendo preparados para o próximo ano. Para surpresa de todos, um carro da McLaren, a grande decepção da temporada, foi o mais rápido.

Estadão Conteúdo

01 de dezembro de 2015 | 19h21

O autor da façanha foi o belga Stoffel Vandoorne, atual campeão da GP2, que foi escalado pela escuderia inglesa no lugar dos titulares Fernando Alonso e Jenson Button. O piloto da Bélgica fez o tempo de 1min44s103 na melhor de suas 99 voltas. O segundo mais veloz foi o finlandês Kimi Räikkonen, da Ferrari, com 1min44s456.

O sueco Marcus Ericsson (1min44s480), da Sauber, e o inglês Jolyon Palmer (1min44s568), da Lotus, foram as outras surpresas do teste com o terceiro e quarto lugares, respectivamente. O alemão Sebastian Vettel, com 1min44s940, fechou a lista dos cinco primeiros colocados com a outra Ferrari.

Melhor equipe da temporada, a Mercedes não se destacou. Sem o tricampeão Lewis Hamilton e Rosberg, a escuderia escalou o reserva alemão Pascal Wehrlein e ele ficou apenas na sexta posição, com 1min45s605. Force India e Williams também decepcionaram: o alemão Nico Hülkenberg foi o nono mais rápido, enquanto que o finlandês Valtteri Bottas acabou em 10.º. Os brasileiros Felipe Massa e Felipe Nasr não participaram destes trabalhos de pista.

Agora a Fórmula 1 entra de vez nas férias do inverno europeu. A próxima atividade com carros na pista será a pré-temporada, que em 2016 ficará concentrada no circuito de Barcelona, na Espanha. A primeira atividade está marcada para 22 de fevereiro. A temporada, com 21 corridas, começará no dia 20 de março com o GP da Austrália, em Melbourne.

Confira os tempos do teste final em Abu Dabi:

1.º - Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren) - 1min44s103 (99 voltas)

2.º - Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) - 1min44s456 (56)

3.º - Marcus Ericsson (SUE/Sauber) - 1min44s480 (50)

4.º - Jolyon Palmer (GBR/Lotus) - 1min44s568 (90)

5.º - Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) - 1min44s940 (56)

6.º - Pascal Wehrlein (ALE/Mercedes) - 1min45s605 (107)

7.º - Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) - 1min45s805 (57)

8.º - Max Verstappen (HOL/Toro Rosso) - 1min45s849 (54)

9.º - Nico Hulkenberg (ALE/Force India) - 1min45s852 (71)

10.º - Valtteri Bottas (FIN/Williams) - 1min45s940 (103)

11.º - Daniil Kvyat (RUS/Red Bull) - 1min46s309 (48)

12.º - Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso) - 1min46s995 (56)

13.º - Adderly Fong (CHN/Sauber) - 1min48s439 (57)

14.º - Alfonso Celis (MEX/Force India) - 1min48s545 (65)

15.º - Rio Haryanto (INA/Manor) - 1min49s593 (56)

16.º - Jordan King (GBR/Manor) - 1min49s661 (59)

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1McLarentestespneusPirelli

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.