Wilton Júnior/ Estadão
Wilton Júnior/ Estadão

Com fim polêmico, Ricardo Maurício fica com a vitória na segunda corrida da Stock Car no Galeão

Crescendo na reta final, piloto conseguiu liderar a parte final da prova, sofreu uma ultrapassagem na última volta, que foi punida após a prova, e foi declarado vencedor

Paulo Chacon, Especial para o Estadão

10 de abril de 2022 | 14h52

Foi com muita emoção. Com chuva, sol, acidente, safety car e bandeira amarela, Ricardo Maurício venceu a segunda e última corrida do GP do Galeão da temporada de 2022 da Stock Car, neste domingo (10) no Rio de Janeiro. Daniel Serra ficou com a primeira colocação na corrida de abertura da etapa. 

Como foi a corrida

Por conta do regulamento, o piloto que venceu a primeira corrida troca de lugar no grid com o décimo, o segundo inverte com o nono, o terceiro faz a troca de posição com o oitavo e assim por diante. 

A largada da segunda corrida do GP do Galeão foi intensa. Com o adicional da chuva no Rio de Janeiro, os pilotos sofreram logo na primeira curva, com muitos perdendo a direção, e um acidente fez com que o safety car viesse para a pista logo nos primeiros minutos. 

Após quase 10 minutos sem ação, a largada aconteceu novamente e as trocas de posições apareceram. Contudo, pouco mais de três minutos de prova, o safety car teve que retornar para a pista por conta de um novo acidente. 

Com cerca de 10 minutos para o fim do tempo previsto para a corrida, a nova largada aconteceu e Felipe Baptista abriu vantagem na ponta. Thiago Camilo teve que defender um ataque de Ricardo Maurício e viu Felipe Massa também encostar. 

Por conta do safety car, assim que se abriu a janela para o pit stop, diversos pilotos seguiram para o box logo na primeira volta em que se foi possível. Desta forma, Ricardo Maurício, que retardou um pouco sua parada obrigatória, assumiu a liderança da segunda corrida do GP do Galeão com cerca de seis minutos para o fim. 

Na reta final do relógio, Ricardo Maurício e Marcos Gomes, que estavam nas duas primeiras colocações respectivamente, abriram vantagem para os demais pilotos. Na sequência, Bruno Baptista e Gianluca Petecof disputaram segundo a segundo pela terceira posição. 

No minuto final, Marcos Gomes e Ricardo Maurício acabaram se tocando e Gomes assumiu a liderança da segunda prova do GP do Galeão. Contudo, existiu a suspeita da ultrapassagem ter acontecido com a corrida estando em bandeira amarela, o que se confirmou após a prova, e Ricardo Maurício foi declarado vencedor. 

CLASSIFICAÇÃO DA SEGUNDA CORRIDA 

1º -Marcos Gomes

2º - Ricardo Maurício

3º - Bruno Baptista

4º - Gaetano de Mauro

5º - Gianluca Petecof

6º - Gabriel Casagrande

7º - Guilherme Salas

8º - Daniel Serra

9º - Allam Khodair 

10º - Átila Abreu

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.