Daniel Ricciardo celebra pódio e Sebastian Vettel lamenta novo problema

Terceiro lugar garante ultrapassagem de australiano sobre alemão na classificação

Agência Estado

25 de maio de 2014 | 16h01

MONTECARLO - A Red Bull teve neste domingo mais uma corrida de alegrias e decepções na Fórmula 1. O australiano Daniel Ricciardo conquistou mais um pódio para a equipe austríaca, depois de cometer erros no início no GP de Mônaco. Mas o tetracampeão Sebastian Vettel voltou a sofrer com problemas técnicos e abandonou a prova disputada no circuito de rua de Montecarlo.

"Estou desapontado. Eu tive uma boa largada e aí perdemos pressão do motor turbo. Então, fiquei sem potência e tive que desistir", disse Vettel, isentando a equipe de culpa. "O time fez tudo que podia. Eu me senti meio impotente diante do carro. Então perguntei o que poderíamos fazer, mas não havia nada a fazer naquele momento".

Vettel já havia sofrido com problemas em sua Red Bull no sábado. No entanto, a equipe conseguira resolver as falhas a tempo da corrida deste domingo. "Consertamos o problema no ERS [sistema de recuperação de energia] ontem, mas tivemos outras questões com o turbo hoje", lamentou.

Preocupado com os contratempos deste domingo, Ricciardo saiu da pista aliviado com o terceiro lugar. O australiano teve uma fraca largada, ao perder duas posições, e depois demorou para se aproximar dos primeiros colocados. No fim, quase ameaçou a segunda colocação de Lewis Hamilton.

"Foi a primeira vez em toda a corrida em que senti que estava realmente dirigindo o carro e nós pudemos alcançar Lewis. Foi divertido, mas não pude ultrapassá-lo. Então posso dizer que a prova terminou melhor do que começou", avaliou o piloto australiano, que superou Vettel na classificação geral. Tem 54 pontos, contra 45 do alemão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.