Julien Warnand/EFE
Julien Warnand/EFE

De la Rosa exalta marca de 100 GPs na Fórmula 1

Ainda sem pontuar na temporada, piloto de 41 anos acredita em uma boa prova no Circuito de Monza, na Itália

AE, Agência Estado

04 de setembro de 2012 | 10h01

MONZA - Segundo piloto mais velhos da Fórmula 1, o espanhol Pedro de la Rosa está ansioso pelo GP da Itália, no próximo domingo. O piloto da Hispania vai alcançar a marca de 100 corridas na principal categoria do automobilismo mundial.

"Atingir os 100 GPs é algo muito especial e estou muito motivado para correr na Itália. Não apenas por causa desta marca, mas também porque acredito que podemos ser mais competitivos", comenta o piloto de 41 anos - só não é mais velho que Michael Schumacher, de 43 anos.

Ainda sem pontuar na temporada, De la Rosa acredita que o Circuito de Monza poderá favorecer o desempenho da Hispania. "Monza é parecido com a pista do Canadá, onde a velocidade máxima e a estabilidade no freio são importantes e estas são justamente os nossos pontos fortes", avalia.

O espanhol também quer aproveitar o embalo do GP da Bélgica, no domingo passado, para surpreender na Itália. "Adoro corridas consecutivas porque gosto da continuidade. Além disso, Monza é um dos meus circuito favoritos, porque é muito diferente dos demais. Por tudo isso, estou ansioso pela corrida", diz o piloto da Hispania.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.