De volta, Grosjean espera ajudar Lotus e somar pontos

De volta à Fórmula 1 após ficar fora do GP da Itália, Romain Grosejan compete novamente neste fim de semana, quando será realizado o GP de Cingapura. O piloto francês, que está em oitavo lugar no Mundial de Pilotos, vai correr com o objetivo de somar pontos valiosos para a equipe no campeonato e também ajudar o finlandês Kimi Raikkonen na luta pelo título. A Lotus está na quarta posição no Mundial de Construtores, enquanto Raikkonen é o terceiro no campeonato de pilotos.

AE, Agência Estado

17 de setembro de 2012 | 10h53

"Eu quero classificar bem, ficar o mais próximo possível de Kimi em termos de desempenho e marcar pontos para a equipe no campeonato de construtores", disse Grosjean, que cumpriu suspensão no GP da Itália por ter provocado um acidente na largada do GP da Bélgica.

Fazendo a sua primeira temporada completa na Fórmula 1, o piloto francês não tem boas lembranças da sua única participação no GP de Cingapura, já que em 2009 abandonou a corrida. Apesar disso, Grosjean garantiu estar ansioso para correr no circuito de rua de Marina Bay, quando espera iniciar uma nova fase na temporada, afastado das polêmicas.

"Cingapura é uma corrida muito especial por ser realizada à noite, o que a torna um grande show para os fãs. É uma cidade muito legal. Eu não tenho muita experiência no circuito, a minha primeira corrida aqui foi em 2009 e foi um fim de semana difícil, mas estou ansioso para voltar ao carro, aprender a pista um pouco mais e colocar tudo no lugar para o restante da temporada", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.