Dirigente ironiza sugestões da FIA

O diretor-técnico da Williams, Patrick Head recebeu com ironia, a proposta de Bernie Ecclestone de colocar peso extra nos carros mais rápidos, de forma a tornar um pouco mais equilibrada a temporada 2003 da Fórmula 1. ?A idéia me parece de mau gosto?, disse o dirigente. ?Será que seria melhor se o Arsenal jogasse com 9 homens quando fosse enfrentar o Chelsea? Ou então, seria mais adequado cortar duas cordas da raqueta de Pete Sampras quando enfrentasse Tim Henman?, perguntou ele, de maneira irônica. O Arsenal domina o futebol inglês na atualidade e Sampras é um dos maiores tenistas da história.Bernie Ecclestone, o promotor da Fórmula 1, e Max Mosley, presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) encaminharam para as 11 equipes inscritas no Mundial um dossiê com proposta para mudar radicalmente a competição. A principal alteração do pacote é a introdução do lastro. A cada ponto conquistado, o piloto levaria um quilo a mais no seu carro. A medida, na verdade, é uma forma de tentar barrar a Ferrari, que conquistou tudo o que foi possível neste ano. Tudo está agora nas mãos dos representantes das próprias escuderias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.