David W. Cerny/Reuters
David W. Cerny/Reuters

Dovizioso supera batalha contra Lorenzo e Márquez e vence etapa da MotoGP

Piloto italiano da Ducati vence o companheiro de equipe e o líder do campeonato em sua 100ª corrida pela categoria

Estadao Conteudo

05 Agosto 2018 | 10h37

O italiano Andrea Dovizioso conseguiu segurar as investidas do espanhóis Jorge Lorenzo e Marc Márquez e venceu neste domingo a etapa da República Checa da MotoGP, a 10.ª de 19 corridas previstas para a temporada de 2018.

+ Dovizioso supera Rossi e larga em primeiro na MotoGP em Brno

+ Pedrosa bate próprio recorde e lidera treinos livres na República Checa

+ Confira mais notícias da MotoGP

No circuito de Brno, o piloto da Ducati fez uma prova perfeita. Ele teve sangue frio para administrar o desgaste dos pneus e ao mesmo tempo superou a dura batalha contra os dois principais concorrentes. Lorenzo, seu companheiro de equipe, terminou na segunda colocação e Márquez completou o pódio.

A etapa checa também marcou a 100ª corrida de Dovizioso pela Ducati. E não poderia ter sido melhor. Depois de garantir a pole, ele chegou a ser ultrapassado pelo italiano Valentino Rossi logo após a largada. Dozizioso, no entanto, retomou a dianteira ainda na primeira volta.

Rossi se manteve na briga pelo pódio até a parte final da corrida. Mas perdeu potência no fim e não conseguiu se manter no mesmo ritmo dos três primeiros colocados. Ele ao menos superou a disputa contra o britânico Cal Crutchlow e terminou na quarta colocação.

Lorenzo chegou a assumir o primeiro lugar faltando cinco voltas para o fim. Mas na sequência levou o troco. A disputa roda a roda seguiu até os metros finais, quando o Dovizioso fechou as portas e venceu sua segunda etapa na temporada.

O italiano Danilo Petrucci foi o sexto colocado, com o francês Johan Zarco em sétimo e o espanhol Dani Pedrosa em oitavo. O também espanhol Alvaro Bautista foi o nono e o italiano Andrea Iannone fechou a lista dos dez primeiros colocados da etapa.

Com o resultado, Márquez se manteve na liderança da classificação geral, foi a 181 pontos e abriu 49 de vantagem para Rossi, o segundo colocado. Dovizioso agora é o terceiro na tabela, com 113, com quatro a mais do que Viñales, que está em quarto lugar. Os pilotos da MotoGP voltam para a pista no próximo domingo, na etapa da Áustria.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.