Ecclestone aconselha Button a tirar ano de folga na F-1

'Ele poderia correr em qualquer das grandes equipes', diz chefão da Fórmula 1 sobre o piloto inglês

AE, Agencia Estado

30 de dezembro de 2008 | 12h39

O inglês Bernie Ecclestone, detentor dos direitos comerciais da Fórmula 1, aconselhou Jenson Button a tirar um ano de férias forçadas da categoria. Sem equipe desde que a Honda anunciou sua retirada do Mundial, o piloto aguarda um novo comprador para a escuderia japonesa, ou espera uma chance na Toro Rosso. Para Ecclestone, nenhuma das opções condiz com o talento de Button. "Ele poderia correr em qualquer das grandes equipes, e eu preferia vê-lo esperando por uma vaga em uma delas do que correndo em um time sem competitividade", afirmou o dirigente ao jornal inglês Daily Telegraph.Button chegou à Fórmula 1 em 2000, como aposta da Williams. Depois, passou por Benetton, Renault e BAR, até a compra da equipe pela Honda. Já pela equipe da montadora japonesa, conquistou sua única vitória, no GP da Hungria de 2006.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.