Ecclestone nega exclusão do GP do Canadá

O principal responsável pelo campeonato mundial de Fórmula 1, Bernie Ecclestone, desmentiu nesta sexta-feira que o GP do Canadá vai ser excluído do calendário de 2004, como havia dito na véspera, o canadense Norman Legault.Em declarações à cadeia de TV britânica ?Sky Sports?, Ecclestone foi categórico: "Não sei de onde saiu esta história. O calendário de 2004 ainda não está totalmente fechado e ainda não sabemos o que vai acontecer", disse. Normand Legault, diretor do GP do Canadá, disse na quinta-feira, em entrevista coletiva, que a prova havia sido suprimida da temporada 2004 por causa da entrada em vigor no país, de uma nova lei que proíbe a publicidade de cigarros em eventos esportivos. Legault disse que havia sido informado da decisão pelo próprio Ecclestone.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.