Ahmed Jadallah/Reuters
Ahmed Jadallah/Reuters

Em 7.º no grid, Schumacher segue otimista em retorno

'Por coincidência, é a mesma posição no grid que eu tive quando comecei minha carreira', afirma o alemão

AE, Agencia Estado

13 de março de 2010 | 12h54

Nada parece abalar o otimismo do heptacampeão Michael Schumacher em seu retorno à Fórmula 1, após três anos de aposentadoria. Neste domingo, o alemão não foi bem no treino classificatório para o GP do Bahrein, lutando para não ser eliminado na Q2 e terminando com a sétima posição no grid. Ainda assim, ele mostrou satisfação pelo desempenho com a Mercedes.    

 

Veja também:

linkSebastian Vettel garante a pole para o GP do Bahrein

"Estou satisfeito com o sétimo lugar deste sábado, estando fora da Fórmula 1 por tanto tempo", comentou Schumacher, citando até a semelhança com a sua estreia na categoria, há 19 anos. "Por coincidência, é a mesma posição no grid que eu tive quando comecei minha carreira, em Spa (na Bélgica), em 1991", lembrou o alemão.

Schumacher não se abalou nem com o fato de Nico Rosberg, seu compatriota e companheiro de equipe, ter conquistado resultado melhor, em quinto no grid. O heptacampeão disse que está se divertindo em sua volta à categoria e ainda elogiou a evolução da Mercedes.

"Foi divertido trabalhar com minha nova equipe e eu reconheço todo o esforço deles para me ajudar enquanto eu me acostumo novamente com as coisas", afirmou o piloto de 41 anos. "Acho que melhoramos passo a passo durante o final de semana."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.